Privacidade de usuários do Facebook têm menos de cinco dias

Após voltar a atrás do que tinha afirmado, Facebook permite que usuário votem sobre novas diretivas internas do site de Mark Zuckerberg, portanto agora usuários do Facebook têm até o dia 10 de dezembro para votar em uma nova declaração de uso de dados e privacidade da rede.

Apesar de ter informado inicialmente que não haveria votação sobre as mudanças em suas políticas, como uma forma de favorecer a discussão, a rede social voltou atrás e permitiu a participação dos internautas por meio do voto.

Ainda assim, uma das propostas é remover o componente de votação do processo em favor de um sistema que conduza a comentários e engajamentos mais significativos.

Relacionados:

Excelentes dicas de como conseguir um bom emprego através das Redes Sociais

Já pensou em divulgar seu site em mais de 40 Redes Sociais ao mesmo tempo?

Dicas de redes sociais para B2B “Redes sociais – Twitter, Facebook, Orkut e Blog Corporativo”

EUA usam redes sociais para caçar criminosos, já o Brasil, bom não vem ao caso

Entre as alterações sugeridas, estão ainda a permissão de compartilhar informações dos perfis com empresas afiliadas, incluindo o Instagram, adquirido pelo Facebook em abril; a criação de novos filtros para administrar as mensagens recebidas pelos usuários; e a definição de quem pode ver o quê nas timelines.

Para que os resultados tenham pleno efeito, será necessária a participação de pelo menos 30% da população ativa do Facebook – uma tarefa nada fácil para um site que conta com mais de 1 bilhão de usuários.

Até o início da tarde desta quarta-feira, cerca de 137 mil membros haviam votado a favor da manutenção dos documentos atuais, enquanto por volta de 13 mil optaram pelas mudanças propostas.

No ano passado, 342,632 pessoas votaram nas alterações – o que correspondia apenas a 0.038% do total de usuários à época.

A participação menor do que a exigido permite à empresa escolher o caminho que preferir, podendo apenas “consultar” a opinião dos usuários, conforme informou o executivo Elliot Schrage em um comunicado. A proposta está disponível em português e pode ser acessada através deste link.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s