Entrevista Criativa como você se sai nessa?

Métodos de recrutamento e seleção estão se renovando e a entrevista criativa faz parte dessa mudança. Obviamente, ela chegou para fazer dos processos seletivos a oportunidade certeira de conhecer as aptidões inovadoras dos candidatos, ou seja, ir além do jogo de perguntas óbvias e, muitas vezes, irritantes das entrevistas convencionais.

Entrevista Criativa como você se sai nessa?

Entrevista Criativa como você se sai nessa?

A entrevista criativa não segue um padrão convencional, isto é, não há roteiro pré-definido e as questões apresentadas são desenvolvidas de acordo com a situação e ambiente presente no momento do encontro, muitas vezes, sobre assuntos e situações reais. “Esta nova prática busca conhecer o candidato em situações do cotidiano profissional e pessoal, analisando suas atitudes de forma natural. Também visa identificar o potencial de flexibilidade e de como o candidato se comporta sob pressão”, explica o diretor Celso Bazzola, da consultoria de RH Bazz.

Relacionados:

Setor da TI oferece mais de 200 mil vagas em todo o país conforme pesquisa

Super dicas de como escapar dos falastrões do Coaching

Os segrêdos das pessoas super produtivas e organizadas

Existe um lado ruim de ser bom!

Seu chefe é um líder?

Suporte Técnico

É importante ressaltar que este tipo de entrevista deve ter uma real necessidade e que a vaga apresente as características para esse tipo de avaliação, ou seja, entrevistas para um cargo em um escritório de advocacia seguirá o padrão convencional, caso o recrutador ou a empresa não necessite analisar questões fora das habilidades convencionais do candidato. Porém, isso não deve ser uma regra, cada empresa apresenta sua necessidade de acordo com cultura de valores empresariais.

O que os RHs estão buscando de diferenciais nas dinâmicas?

O foco principal desta nova seleção é analisar comportamentos fora da formalidade, ou seja, é verificar como o indivíduo se comporta quando é exposto a diferentes tipos de situação ou em situações inusitadas ou inesperadas.

“Neste momento, o entrevistador aproveita e indaga o candidato acerca de algum tema que lhe interessa investigar sob efeito do estresse daquela situação. Como, por exemplo, uma situação de risco, no caso da simulação de pane no edifício onde se dá a entrevista, no caso do entrevistador passar mal, situações inesperadas de abordagem durante a passagem do entrevistado na empresa”, comenta Fernando Montero Capella, diretor da Capella RH.

O que é possível identificar com a entrevista criativa?

Quanto as percepções os dois especialistas foram unânimes, com a prática da entrevista criativa é possível identificar se o candidato possui características como: flexibilidade, raciocínio rápido, pré disposição do candidato ao novo, interação e conhecimento do mercado e de assuntos do momento.

Além disso, é possível avaliar o comportamento para situações comuns, porém não planejadas, assim como, postura perante o desconhecido.

Esta nova tendência veio para ficar ou é considerada modismo?

Para Capella os resultados já alcançados por algumas empresas comprovam a importância desta tendência e firma o provável, ou seja, que ela seja incorporada como mais uma das práticas possíveis ao kit de ferramentas e dinâmicas utilizado pela área de Recursos Humanos.

Abaixo, segundo Bazzola, estão alguns exemplos do que pode ser considerado uma entrevista criativa:

·        Perguntar sobre questões que fujam do cotidiano e experiência profissional;

·        Fazer com que o candidato conduza a entrevista de emprego;

·        Solicitar que o candidato fale sobre a empresa missão, visão e valor, além de, falar sobre os produtos e serviços oferecidos;

·        Desenvolver a entrevista fora do ambiente empresarial, escolhendo locais que submetem o candidato a reflexões profissionais, vida e crenças;

·        Realizar a entrevista com a presença dos familiares mais próximos, a fim de conhecer sua estrutura familiar e de segurança.

Toda tendência ou modelo de análise atinge pontos de excessos, porém, a maturidade leva a estabilização, “se este formato for utilizado em situações e para cargos que exijam esta condição do inesperado com objetivos pré-estabelecidos, terá resultados satisfatórios o que a tornará a entrevista criativa uma rotina para os RHs”, finaliza Bazzola.

Fonte: MSN Empregos

3 comentários sobre “Entrevista Criativa como você se sai nessa?

  1. Pingback: Satisfação no Trabalho é primordial. Você esta satisfeito com o seu? | W O D Consultoria
  2. Pingback: Desmotivação no trabalho. Dicas para lidar com ela. | W O D Consultoria
  3. Pingback: Excelentes profissionais que estão empregados são os mais assediados por empresas. Como lidar com isso! | W O D Consultoria

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s